CRUST DAS MINAS: 16 bandas nacionais com mulheres na formação

O crust é um gênero que está associado diretamente à luta anticapitalista e antifascista. Em crossovers com outros estilos como hardcore, grindcore ou mesmo o clássico punk, mas sempre com o d-beat que tanto amamos, no Brasil encontramos várias bandas sensacionais no estilo e com mulheres na formação. Como sempre nos pedem indicações específicas de alguns estilos, eventualmente vamos publicar indicações aqui em nosso blog. Hoje, listamos algumas que já publicamos em nossa página e que você precisa conhecer!

1- RÄIVÄ – CRUST FEMINISTA

01Oriunda de Maceió (AL), a RÄIVÄ é formada por Hew Barreto (voz), Fralda Wss (baixo), Julie Moura (guitarra) e Gabriela Santos (bateria). Elas possuem lançado o EP “Não precisamos da sua aprovação”, que possuem letras diretas que abordam as urgências da causa das mulheres e com um som cru e vocal berrado.

Links relacionados:
Facebookhttps://www.facebook.com/raivacrust/
Bandcamphttps://raiva.bandcamp.com/releases
Instagramhttps://www.instagram.com/raivacrust/

 

2 – MANGER CADAVRE? – HARDCORE CRUST ANTIFA

01Com um dos vocais femininos mais avassaladores do hardcore/crust do Brasil, o Manger Cadavre? é uma banda da região do Vale do Paraíba (SP), que possui temáticas bem definidas: anticapitalismo, antifascismo e resistência. Formado por Nata de Lima (vocais), Marcelo Augusto (guitarra), Marcelo Kruszynsk (bateria) e Jonas Godói (baixo), estão em atividade desde 2011.

Links relacionados:

Bandcamphttps://mangercadavre.bandcamp.com/
Facebookhttps://www.facebook.com/mangercadavre/
Instagramhttp://www.instagram.com/mangercadavre

3- NUCLËAR FRÖST – POWER CRUST D-BEAT 

01Nuclëar Fröst é uma banda paulistana de crust d-beat liderada pela Gaby Gomes, além de Nilson, Ton e Fejão. A banda se formou em 2006 e possui uma vasta quantidade de lançamentos entre albuns, eps e splits, além de ter tocado por todo o Brasil e realizado tour na Europa. Gaby, que possui um vocal gutural extremamente potente, é outro dos grandes nomes de vocalistas de música extrema nacional.

Links relacionados:
Bandcamphttps://nuclearfrost83.bandcamp.com/
Facebookhttps://www.facebook.com/Nuclëar-Fröst-198865310152424/

4- RASTILHO – CRUST PUNK DE PESO

01Rastilho é uma nova banda de crust punk de São Paulo, que conta com Elaine Campos, Kiko, Luis, Marcelo Papa e Cuca. Eles acabaram de gravar seu primeiro trabalho e em breve estará disponível para streaming, no entanto vocês podem conferir todo o seu peso em vídeos das apresentações da banda em shows. Elaine, que foi a frontwoman da banda Abuso Sonoro, trás novas características a seu vocal nesse novo projeto.

Links relacionados:
Bandcamphttps://rastilhocrust.bandcamp.com/
Facebookhttps://www.facebook.com/rastilho.crust/
Instagram: https://www.instagram.com/rastilho.crust/

5- KLITORES KAOS – CRUST ANTIFASCISTA

01Composta por Grace, Monise, Tainah e Deby, a Klitores Kaos, que é de Belém (Pará) tem a luta de classes como base, abordando o feminismo e o anticapitalismo em suas letras. O quarteto está na ativa desde 2015, houve uma mudança na formação, no entanto, a banda segue com o som pesado e cru, e vocal berrado e cheio de ódio contra a elite burguesa e desigualdades sociais.

Links relacionados:
Facebookhttps://www.facebook.com/klitoreskaos/
Soundcloundhttps://soundcloud.com/klitores-kaos
Instagram: http://www.instagram.com/klitoreskaos

6- DARKSIDERS – DEATH BLACKNED CRUST

01Darksiders é um power trio de crust antifascista de João Pessoa/PA, que possui a Thuany no vocal (berrado desesperadamente), além de Roninho e Paolo na formação. A banda possui apenas o EP “Câncer do Mundo” lançado, que está disponível para streaming no bandcamp. Atualmente a banda não está em atividade, mas nós esperamos ansiosamente por novos lançamentos.

Links relacionados:
Facebookhttps://www.facebook.com/Darksiders-319798571448908/
Bandcamphttp://darksiders666.bandcamp.com/

7- WARKRUST – NEGATIVE CRUST

01Com uma temática niilista, o Warkrust é uma banda de crust d-beat de Porto Alegre/RS e que conta com o vocal apocalíptico da Anne Crust, em atividade desde 2013. Também fazem parte da banda, Rodrigo, Ricardo e Matheus. Com uma sonoridade única, eles fazem um som pesado rápido e agressivo, com vocais ora rasgados ora guturais.

Links relacionados:
Facebookhttps://www.facebook.com/Warkrust/
Bandcamphttps://warkrust.bandcamp.com/

8- TRASSAS – CRUST CROSSOVER

01O Trassas é uma das bandas de referência quando se trata de crust nacional. Em atividade continua desde 1999, conta com o vocal preciso de Priscila, além de Dio, Alexandre e Tony, que compõe o quarteto. Eles possuem três materiais lançados, além de participações em coletâneas. O som possui a base do crust clássico, além de detalhes que nos remetem a Ratos de Porão, Napalm Death, Agrotóxico, dentre outras.

Links relacionados: 
Facebookhttps://www.facebook.com/Trassas-219145788183556/
Youtubehttps://www.youtube.com/channel/UCMkxwl8nZAB8Hb6JW-4RcvQ

9- MÁCULA – CRUST PUNK BLACK METAL

01Uma das bandas mais diferentes e mais legais que tem o crust em sua raíz, é o Mácula. Eles são de Salvador/BA, e ativos desde 2010 com a Debbie comandando os graves do som. Com temáticas anarquistas e anticapitalistas, eles tecem críticas a realidade nacional, como podemos observar no single lançado esse ano entitulado “Nazifascismo tropical”. Com uma discografia de peso, é daquelas bandas que você quer deixar no repeat.

Links relacionados:
Facebookhttps://www.youtube.com/channel/UCMkxwl8nZAB8Hb6JW-4RcvQ
Bandcamphttps://macula.bandcamp.com/

10- NÉBULA – CRUST PUNK

01Nébula é uma banda de punk/crust que possui a Laura como vocalista. Eles são de Sorocaba, e possuem uma demo e um EP lançados. Também são membros: Secão, Douglas e Grings. Infelizmente, a banda está em um hiato atualmente, mas esperamos por shows e lançamentos. Enquanto isso não acontece, você pode curtir o EP e a Demo que eles lançaram e estão disponíveis.

Links relacionados:
Facebookhttps://www.facebook.com/nebulapunx/
Bandcamphttps://nebulapk.bandcamp.com/

11- NO REST – CRUST PUNK ANTICAPITALISTA

01A indicação é especial para os fãs de Detestation, Rudimentary Peni e Nausea: No Rest. Aline é a vocalista de uma banda de crust punk de Porto Alegre/RS, que começou em 1989, na época com o nome 666 que foi trocado em 1994 para No Rest. Eles começaram com um som pesado com influências de Heavy e Thrash Metal e foi incorporando a sonoridade punk com o tempo. A No Rest é conhecida pela forma incomum de fazer turnês de períodos longos percorrendo consideráveis distâncias, pela intensidade das apresentações ao vivo, pela sonoridade e pelas letras que incluem entre outros temas a luta pela libertação das mulheres. Parte da banda se encontra na Europa, no entanto, esse ano rolou uma tour pelo Rio Grande do Sul, na qual eles se apresentaram em 7 shows.

Links relacionados:
Sitehttps://norest.noblogs.org/

12- O CÚMPLICE – HARDCORE CRUST 

01
Karen Pellegrini é a responsável pelo baixo sujo e bem marcado do hardcore/crust paulistano feito pelo O Cúmplice. A banda possui 3 ótimos lançamentos (2 EP’s e 1 split) que estão disponíveis para streaming no bandcamp.  Trabalhos esses que possuem letras bem posicionadas, de certo modo niilistas, mas que também nos despertam para a reflexão crítica.

Links relacionados:
Facebookhttps://www.facebook.com/o.cumplice/
Bandcamphttps://ocumplice.bandcamp.com/

13- KLE-RAT – CRUST D-BEAT

01Em Taubaté e Caçapava, cidades que ficam na região do Vale do Paraíba – interior de SP, encontramos a Kle-Rat que possui a Mariana Brandão no vocal. A banda se formou no final de 2016, faz um som simples, porém muito legal. Com influências de crust punk clássico e d-beat e dois vocais, sendo o da Mariana, gritado e cheio de personalidade.

Links relacionados:
Facebookhttps://www.youtube.com/watch?v=Q5CeuQQ_YDE
Youtubehttps://www.youtube.com/watch?v=Q5CeuQQ_YDE

Conhece mais alguma banda de crust que tenha mina na formação? Indica pra gente nos comentários.

14- TERROR REVOUCIONÁRIO – Hardcore Crust das antigas

01A Adriana (Drikaos) é a baixista do Terror Revolucionário, banda de hardcore/crust de Brasília/DF que está na ativa desde 1999. Ela se destaca pela pegada suja do baixo que acrescenta muito mais peso ao som.

Em 2002, a banda lançou o primeiro e homônimo CD, além de diversas participações em coletâneas como Atitude Vol. 3 (1999), O Progresso da Regressão (2000), Noise For Deaf 3 (2000), Tributo ao Rock Brasília (2006) e 1º Festival Mundano (2011), entre outros. Em 2014 eles lançaram o segundo álbum entitulado Mr. Crack.

Links relacionados:
Bandcamp: https://terror-revolucionario.bandcamp.com/
Facebookhttps://www.facebook.com/Terror-Revolucion%C3%A1rio-141155476042782/

15- MALEVAH – Hardcore Crust Interestadual

raivaÉ possível ter banda interestadual? É, sim! O MALEVAH tá ai pra provar que pra fazer acontecer é só querer. Na ativa desde 2010, com integrantes de Cuiabá e Belo Horizonte (MT/MG), a banda conta com a Babi no baixo e vocal. Pra quem curte hardcore/crust, com aquele d-beat maroto, ao melhor estilo Discharge, Anti-Cimex e Disrupt, a banda é super recomendada.

Links relacionados:
Facebook: https://www.facebook.com/Malevah/

Bandcamphttps://malevah.bandcamp.com/

16- PESTI – Crust do subúrbio

raivaJulia é a vocalista da banda PESTI CRUST. A banda, que é de Osasco/SP, produz um som crust punk antifascista e está em atividade desde 2012. Eles possuem influência de Crass, Inner Terrestrials, Disrupt, LAMA, Driller Killer, Discharge, Raw noise. Possuem lançados uma demo, um split com a banda Favela e um ao vivo.

Links relacionados:
Facebookhttps://www.facebook.com/pesticrust/
Bandcamphttps://pesticrust1.bandcamp.com/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s